06/04/2015

VGBL não é dedutível do IR


Somente os planos  de cunho previdenciário como PGBL (Plano Gerador de Benefício Livre) ou Fapi (Fundo de Aposentadoria Programada Individual) poderão ser deduzidos na  declaração do IR. , observados  o limite de 12% do rendimento tributável incluído na base de cálculo do imposto sobre a renda na declaração.

O contribuinte precisa apenas incluir as informações do PGBL conforme o informe de rendimentos enviado pela instituição bancária e o programa da Receita Federal faz os cálculos automaticamente.

Quem possui o VGBL (Vida Gerador de Beneficio Livre), plano de seguro de vida com clausula de cobertura por sobrevivência, o valor das contribuições não são dedutíveis na Declaração de Ajuste Anual.

A tributação ocorre na diferença entre o valor recebido e o valor aplicado apenas quando o cliente recebe o plano. Neste caso, é adotado o regime de tributação, conforme a opção do contribuinte.